[DESCUBRA AGORA] SERÁ QUE SUA VIDA NÃO ESTÁ DE PERNAS PARA O AR?

[DESCUBRA AGORA] SERÁ QUE SUA VIDA NÃO ESTÁ DE PERNAS PARA O AR?

Eita que essa pergunta é poderosa e pode deixar muitas pessoas de cabelo em pé. Pensa comigo: Acontece um negócio interessante com a gente (me coloco nesse pacote porque é real) que vira e mexe estamos nos acomodando com algo não é verdade?

Vez ou outra estamos em alguma zona de conforto e isso é natural, é bom, o único parêntese que preciso colocar aqui é se a sua vida não está sendo vivida dentro de uma eterna zona de conforto.

A proposta de hoje é trazer clareza para você [Descobrir] se está ou não vivendo a vida como se fosse normal fazer as coisas com dificuldades e conflitos em casa, nos relacionamentos e profissionalmente. Para facilitar ainda mais nossa compreensão desse tema pontuaremos em 03 grupos de pessoas para que você perceba em qual está.

Grupo Um l De Pernas pro Ar

É QUANDO TUDO ESTÁ UMA “MERDA”

Antes de dizer mais uma palavra peço que não se assuste com o vocabulário porque a idéia é ser bem clara e você entender que muitas vezes a minha vida e a sua vida está assim de verdade. Tudo fica embaçado, complicado e até parece que os problemas fazem fila para nos tirar o sono. O detalhe é que as pessoas que fazem parte desse grupo ficam incomodadas com a vida que estão levando, falam o tempo todo que precisam mudar, mas de fato estão mais perdidas que cego em tiroteio e por isso não sabem COMO virar o jogo a seu favor.

Se você já percebeu que está nesse grupo preciso te dizer que você tem um belo problema para resolver que é descobrir COMO [SAIR DESSA CAIXA] que você mesmo se colocou. Também preciso dizer que embora seja desanimador olhar para sua vida e notar que estes sentimentos estejam presentes, como:

:: Insegurança

:: Autossabotagem

:: Procrastinação

:: Baixa Confiança

:: Falta de autocontrole

:: Falta de Foco

:: Baixa Energia

:: Frustração

:: Medos, Incertezas e Caos

Você precisa sacudir a poeira e buscar ajuda rápido, porque senão vai entrar para o grupo 02. Acompanhe aqui:

Grupo Dois l De Pernas pro Ar

VOCÊ JÁ SE ACOSTUMOU E É MELHOR DEIXAR QUIETO COMO ESTÁ

É aqui que a vaca está indo para o brejo de verdade sabe por quê? Porque você está tão acostumado com a vida ruim, com a mesmice, com as dificuldades, que já nem sabe mais onde está ruim. As coisas andam tão cinzas que nessa etapa você de fato aceitou ver a vida por esse ângulo e agora você acha tudo normal.

As pessoas que estão nesse grupo são aquelas que andam com pessoas do mesmo nype, que também reclamam da vida, também falam mal dos outros (os fofoqueiros de plantão), são negativas e pessimistas, além de detestarem ficar perto de pessoas bem humoradas e otimistas.

É como se as pessoas ficassem em tribos e parece que essas pessoas se acostumaram com a vida assim, preferem deixar quieto como está e acreditam que vai dar tanto trabalho mudar que ficam na “moita” só vendo a vida passar.

Se as fichas caíram e você percebeu que está nesse grupo de pessoas, acione as luzes vermelhas, pois esse estado é mais grave e precisa ser visto com muito cuidado. Afinal de contas, esse é o momento em que você está na UTI em estado crítico, tudo porque prefere ficar quieto e imóvel “fingindo de estátua”, ao invés de levantar e arregaçar as mangas para mudar esse cenário. As pessoas que ficam nesse grupo já estão desgostosas da vida, reclamam de tudo e de todos, além de sempre terem um culpado para colocar a responsabilidade do porque a sua vida está parada.

Fica aqui o alerta para você assumir as rédeas da sua vida e parar de reclamar, afinal de contas:

Grupo Três l De Pernas pro Ar

O JEITO CERTO DE TER AS PERNAS PRO AR

Sabe aquele momento sonho de consumo do tipo “estou no paraíso” ou “o meu trabalho é o meu sonho”? Então, esse é o sentimento que as pessoas do terceiro grupo vivem. Essas pessoas sabem que a vida é desafiadora sim, que os desafios fazem parte do crescimento sim, que a jornada exige muito, no entanto, também sabem que é o entendimento de que tudo isso faz parte do jogo que faz com que elas admirem a jornada.

As pessoas desse grupo vivem a maior parte do tempo dispostas a contribuir, são gratas, otimistas, dispostas a fazerem o que precisam fazer para de fato mudarem suas vidas. Elas sabem que tiveram, tem e terão desafios e que são eles que dão o gostinho especial para as suas conquistas. Essas pessoas na verdade vivem impulsionadas por fazerem mais, por serem mais e mesmo que tudo pareça contra, são do tipo que continuam mesmo que as forças tenham acabado, do tipo que pedem ajuda para aqueles que já chegaram lá, do tipo que literalmente pagam o preço de pensarem fora da caixa, entendendo que tudo tem um porque.

Essas pessoas são do tipo que nos inspiram a ser melhor, a continuar e a acreditar que merecemos uma vida mais plena e abundante.

Meu convite para você antes que esse artigo finalize é que: você entenda em qual grupo está vivendo nesse momento, mas mais que isso, que você busque por crescimento, afinal de contas ou estamos crescendo ou regredindo. Além disso, sugiro fortemente que hoje você reflita com autorresponsabilidade qual é o grupo que está, o que te trouxe até aí, o que precisa fazer para começar a mudar o jogo hoje e no final de tudo decida:

Categories: Destaque, Sete Lagoas

Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /var/zpanel/hostdata/zadmin/public_html/metropolionline_com_br/wp-content/themes/novomag-theme/includes/single/post-tags.php on line 4

Sobre o autor

COMENTÁRIOS