Vereador convoca Comissão e quer sindicância para apurar denúncias de corrupção no Executivo

Vereador convoca Comissão e quer sindicância para apurar denúncias de corrupção no Executivo

O presidente da Comissão de Fiscalização Financeira Orçamentária e de Tomada de Contas (CFFOTC), Milton Martins (PSC), quer constituir uma Comissão de Sindicância para que sejam apurados o que ele chamou de “esquemas de corrupção” na prefeitura durante a gestão do ex-prefeito Leone Maciel. O vereador revelou a intenção durante a comunicação pessoal na Reunião Ordinária da terça-feira (04).

O parlamentar informou que está munido de documentos relacionados a duas denúncias. Uma sobre supostos pagamentos irregulares de salários que chegam a casa dos R$ 20 mil a servidores. E outra acusação que requer “investigação imediata”, de acordo com Milton, é sobre possíveis favorecimentos a empresários do ramo da construção civil para a liberação irregular de alvarás de construção, loteamentos e empreendimentos imobiliários.

Na tribuna da Câmara o presidente convocou a CFFOTC e questionou a condição em que os pagamentos foram feitos, uma vez que “não há descrição informativa que justifique os valores exorbitantes”. Em determinado momento da comunicação foi dito pelo vereador que há “formas de corrupção na prefeitura”.

Sobre o possível favorecimento a empresários, Milton Martins quer saber “quais critérios eram usados para liberação alvarás de construções, loteamentos e empreendimentos imobiliários. Existia um esquema de corrupção para favorecimento de empresários para liberação irregular de alvarás”, revelou.

Reunião da CFFOTC

Atendendo a convocação do presidente, a Comissão se reuniu nesta quinta-feira (06) e com a assinatura dos vereadores Renato Gomes (PV), Joaquim Gonzaga (PSL) e Rodrigo Braga (PV) Milton garantiu a tramitação do pedido de instalação de sindicância. Depois de apresentado esta semana, o Requerimento será votado em plenário e, se aprovado, os líderes dos blocos partidários vão indicar os componentes que serão nomeados para formarem a frente de trabalho que vai apuar as denúncias apresentadas pelo vereador.

Sobre o autor

COMENTÁRIOS