Ação do Microagulhamento na acupuntura estética facial

Ação do Microagulhamento na acupuntura estética facial

Sabe-se que as pessoas ao envelhecerem passam por um processo natural e irreversível do organismo, que é o envelhecimento e acontece progressivamente. O órgão que apresenta mais visivelmente essa degeneração é a pele, principalmente as partes que ficam mais expostas ao sol, vento, calor e outros fatores. As rugas faciais constituem em um desiquilíbrio muscular e, também na diminuição da elasticidade da pele.  Atualmente existem inúmeras técnicas eficazes para o tratamento de rugas dentre elas, o Microagulhamento e a  Acupuntura facial, tendo um poderoso instrumento, “as Agulhas” que além de promoverem efeitos locais, também trazem benefícios sistêmicos.” Assunto este apresentado em minha conclusão do  Curso  de Pós Graduação em Biomedicina Estética ministrado pelo Nepuga.

As técnicas do Microagulhamento (Dermarroler) e a Acupuntura Estética Facial, são  métodos simples e naturais de regeneração da pele, que promovem o rejuvenescimento cutâneo, ambas utilizando-se de agulhas nas quais o microagulhamento induzem o colágeno, ao mesmo tempo trabalhando pontos de acupuntura contidos em toda face. Esta correlação entre face e órgãos mostra que ao estimular os pontos de Acupuntura da face, os efeitos corresponderão aos pontos locais ou em níveis sistêmicos.

Porém não é difícil compreender que, tanto a Acupuntura como o Microagulhamento, tem como princípio, a inserção de agulhas que provocam uma agressão no local levando a um aumento da circulação sanguínea, nutrição e oxigenação celular, ou seja, na medicina chinesa provoca um aumento da Energia Vital (QI), que tonifica a musculatura revitalizando a pele, suavizando as rugas.

 

Categories: Saúde e Beleza

Sobre o autor

Patricia Praxedes

Biomédica Esteta e Acupunturista CRBM 5845

COMENTÁRIOS