buscar
quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 - 08h51 - da Redação

Chuva e os cuidados com a saúde


Alterar tamanho da fonte  Aumentar tamanho da fonte Diminuir tamanho da fonte Redefinir tamanho da fonte

Ocorrência de chuvas exige cuidados para evitar doenças como Leptospirose e Dengue.

Em períodos de chuvas intensas, a recomendação da Prefeitura de Sete Lagoas é redobrar a atenção com a saúde. Dezembro e janeiro são os meses com maior concentração de chuva e consequentemente os maiores índices de doenças relacionadas com a água, como a leptospirose e a dengue. A leptospirose é transmitida por uma bactéria eliminada pela urina do rato e que tem sua disseminação favorecida pelo solo úmido ou alagado. A dengue é provocada pela picada do mosquito fêmea do Aedes aegypti que se cria na água limpa e acumulada pelas chuvas.

Para Mirtes Viana, Diretora de Epidemiologia da Secretaria de Saúde, a volta da chuva renova o alerta para essas duas doenças graves, sobre as quais a Prefeitura se empenha em prevenir. “Trabalhamos a dengue o ano inteiro. Um exemplo disso, é que em 2011 tivemos 90% a menos de casos notificados da doença em relação a 2010. Em relação a leptospirose, há dois anos não temos casos registrados na cidade, mas temos que ficar em alerta, trabalhando sempre na prevenção”, ressalta.

Além de cuidar da saúde, observa Mirtes, é preciso cuidar do meio ambiente. “Dengue acontece quando o mosquito encontra meios de desenvolver suas larvas e leptospirose quando há fatores propícios à reprodução dos ratos. É aí que entra a responsabilidade de cada um, contribuindo para que isso não aconteça”, chama a atenção.

PREVENÇÃO

Por isso, objetos que acumulem água fora ou dentro de casa precisam ser eliminados. É o caso de tampas, pneus e garrafas abandonados em quintais e jardins. Utensílios que não podem ser descartados como, por exemplo, comedouros de animais de estimação precisam ser lavados com esponja constantemente.

Para evitar a aproximação e procriação de ratos, é necessário acondicionar bem o lixo. O objetivo é que o roedor não tenha alimento, abrigo e água. Portas e janelas devem ser bem vedados para que o animal não entre em busca de alimento.

“Sempre é hora de combater a Dengue! Juntos somos mais fortes nessa luta”.

Deixe seu comentário!